22/07/16

Sistema de verificação do Android N pode dificultar o root de aparelhos

Uma das características do Android que ajudou o sistema ganhar espaço frente à concorrência é a relativa abertura que ele oferecia aos consumidores. É comum encontrar quem tenha aparelhos mais antigos (ou simplesmente busca algo novo) que apela para o processo de root para forçar a instalação de atualizações ou de ROMs modificadas — algo que, infelizmente, pode estar próximo de acabar.
As mesmas configurações de segurança que podem bloquear a inicialização de aparelhos infectados por malwares no Android Nougat (assunto que já tratamos neste link) podem dificultar bastante o root de novos aparelhos. Ao verificar que houve uma modificação no root do sistema, a nova versão pode obrigar o usuário a realizar uma restauração completa antes de permitir o uso de um smartphone ou tablet.
Para completar, a nova versão conta com um sistema de correção de erros que pode reparar automaticamente as mudanças que você fez para facilitar a instalação de ROMS. A decisão faz sentido quando levamos em consideração os processos de segurança necessários para tornar possíveis recursos como pagamentos mobile, mas traz como consequência mais dificuldades para quem deseja usar um software com características mais personalizadas.
Obviamente, a cena dedicada a fornecer ROMs personalizadas já deve estar ciente da situação e buscando formas de solucionar esse problema em potencial. Resta saber se algumas das funções oferecidas pela Google vão deixar de funcionar em aparelhos com root, tal qual a Samsung faz com o sistema Pay em aparelhos desbloqueados.
Fonte: Tecmundo