20/01/15

Sucessores do Moto G e Moto E vazam em site de loja britânica


Após um período esquecida, a Motorola voltou com tudo não somente no Brasil, como também mundo afora, devido sua excelente dobradinha custo/benefício na série Moto - desde o nivel de entrada com o Moto E, passando pelo Moto G e chegando ao topo de linha Moto X. Era de se esperar que sucessores logo estariam no mercado para aproveitar o bom momento, e a rede varejista Argos, sediada no Reino Unido, antecipou um pouco a chegada dos aparelhos ao vazar supostos detalhes sobre os próximos lançamentos.

Segundo o Phone Arena, o novo Moto E foi batizado de Styx, enquanto o sucessor do Moto G deve se chamar Titan. Mesmo retiradas do ar, as páginas continuaram na memória de cache do Google e algumas imagens com as informações caíram na web.


O Moto G Titan vem pra ser uma versão melhor ainda que o Moto G de segunda geração, lançado em setembro do ano passado. O novo aparelho tem uma tela com resolução ligeiramente melhor, de 768 x 1.280 pixels, contra os 720 x 1.280 anteriores. O smartphone também conta com suporte a conexões 4G e terá memória interna de 8 GB, com possibilidade de expandi-la até 32 GB via cartão microSD.

O restante das especificações devem se manter semelhantes ao Moto G lançado no final do ano passado. O processador do Moto G Titan deve ser um quad-core Snapdragon 400, câmera traseira de 8 MP, alto-falantes stereo e Android 5.0 Lollipop nativo. O preço sugerido pela Argos era de £ 159.95, ou US$ 242 (R$ 637 na cotação desta segunda-feira, sem taxas e impostos).



Já o bem-sucedido smartphone de baixo custo Moto E Styx tem como novidades o suporte a redes 4G, memória interna de 8 GB (com possibilidade de aumento para 32 GB no uso de cartão microSD) e processador quad-core ainda desconhecido. A tela continua com a resolução de 540 x 960 pixels e os alto-falantes não são estéreo. Assim como o Titan, o Styx deve vir com o Lollipop de fábrica, e o preço sugerido pela Argos era de £ 109.95 ou US$ 167 (R$ 440, sem taxas e impostos).

Por enquanto, a Motorola não confirma as informações e, até que a empresa venha a público falar sobre os aparelhos, é melhor tratar essas configurações e preços como rumores.