05/02/13

Bom saber: Malware ataca Android e também o PC.


Quando pensamos em malware para PC, o ataque fica sempre no PC. O mesmo ocorre quando falamos de outras plataformas, como o Android. Porém, neste caso, agora um aplicativo malicioso resolveu atacar ambas as partes: tanto o próprio Android, quanto o computador onde este smartphone estiver conectado.

2013 será o ano do malware no Android
A quantidade enorme de malwares do Android é uma consequência de sua enorme adoção. Em um ano o número de ameaças ao sistema operacional móvel do Google subiu mais de 580%. O Android 4.2 inclui algumas proteções que evitam que a maioria dos problemas possam afetar os usuários e o Google sempre faz uma limpeza no Google Play, além de incluir novos métodos de segurança.
Porém, antes da limpeza o app já está fazendo estragos. É o caso do DroidCleaner. No site da Kaspersky Lab, Victor Chebyshev comentou que descobriu o que este app faz, que não é nada bonito: ele baixa um cavalo de tróia para o computador e faz algo no smartphone, como:
  • Envio de mensagens SMS
  • Controla o Wi-Fi sozinho
  • Reune informações sobre o dispositivo
  • Abertura ocasional do navegador
  • Upload completo de dados do cartão de memória
  • Upload completo de qualquer dado da memória interna do aparelho
  • Upload de todas as mensagens SMS
  • Apaga todas as mensagens SMS
No computador, o cavalo de tróia pode utilizar o microfone que está instalado na máquina para ouvir conversas, encriptar os dados e enviar tudo para um servidor, sem qualquer intervenção do usuário. Nós sempre recomendamos que você nunca baixe nada de fora do Google Play, mas é sempre bom manter um olho vivo contra apps que oferecem muitas coisas, ou que não são tão necessários assim, como o DroidCleaner.
Infelizmente o Google não olha os apps que sobem para o servidor de downloads, como a Apple faz. A segurança do Google Play apenas remove o conteúdo após reclamações dos usuários.